• Dr. Edson Salvador

Vasectomia - A tomada da decisão. É possível revertê-la?





No Brasil, o planejamento familiar é regulado pela Lei Federal 9263/96. É obrigação dos prestadores de saúde oferecer outras formas de contracepção antes da decisão pela cirurgia definitiva.

A Vasectomia é o método cirúrgico considerado DEFINITIVO na contracepção masculina, garantindo mais de 99% de


chance de esterilidade. A cirurgia é feita pela interrupção no canal que leva os espermatozóides - o ducto deferente. Como consequência o sêmen do homem não possui mais as células de reprodução.


A cirurgia é feita, geralmente, em regime de Day Clinic (o paciente recebe alta no mesmo dia) e o retorno ao trabalho acontece em alguns poucos dias.




O QUE ACONTECE E O QUE NÃO ACONTECE APÓS A VASECTOMIA?


A VASECTOMIA NÃO CAUSA:

- Queda na libido

- Impotência Sexual

- Alterações visíveis no esperma

- Redução do volume do sêmen

- Redução do tamanho do pênis

- Alterações na masculinidade ou sexualidade

As alterações são microscópicas: o sêmen apenas deixa de conter os espermatozóides.

Consulte o urologista para saber detalhes sobre VASECTOMIA

A vasectomia impede a passagem dos espermatozóides pelo ducto deferente.

Aspecto final da cirurgia de vasectomia - microincisões de 2-3mm na bolsa escrotal.


REVERSÃO DA VASECTOMIA: E POSSÍVEL VOLTAR ATRÁS

A cirurgia de reversão da vasectomia consiste na reconstrução do canal deferente, que fora ligado em cirurgia anterior. Esta cirurgia é feita com aparato microscópico e é considerada de alta complexidade.

Se você deseja voltar atrás na sua decisão e reverter sua vasectomia consulte o Urologista.


Entre em contato ainda hoje para receber os cuidados médicos que você precisa.

CONHEÇA A LEI QUE REGULAMENTA A ESTERILIZAÇÃO NO BRASIL

Clique aqui e faça download.


Clique aqui e faça download do Termo de consentimento informado para vasectomia.

TCLE vasectomia
.pdf
Download PDF • 224KB

183 visualizações